Sobre o Xamanismo!

“Quando eu tinha dez anos, olhei a terra e os rios, o céu acima de mim e os animais que me cercavam, e não pude evitar de sentir que eles eram obra de um Poder Superior.”

Tatanka-Ohitika

A raiz da palavra Xamã deriva da língua dos povos Tugus, da Sibéria, adotada amplamente pelos antropólogos para se referirem a pessoas de uma grande variedade de culturas arcaicas, que antes eram conhecidas por: pajés, curandeiros, magos, videntes. Embora nem todo vidente, curandeiro, mago ou pajé, seja um xamã.

 

Aponta a anterioridade e a antiguidade de um princípio inaugural de experiência humana.Conhecer a história antiga da terra é conhecer a própria história, sendo assim de vital importância preservar o conhecimento xamânico como parte da estrutura genética, pois o saber herdado faz parte do conhecimento do ser e atua vivo na memória genética até os nossos dias.

 

O xamanismo é a mais antiga prática espiritual, médica e filosófica da humanidade.Praticar xamanismo é ir em busca da excelência espiritual, é enxergar a realidade existente por trás dos conceitos, é se harmonizar com as marés naturais da vida. É trilhar o Caminho Sagrado, atravessando os portais da mente, das emoções, do corpo e do espírito.

 

Os xamãs baseiam-se na observação constante da natureza e de seus ciclos a fim de compreenderem a si próprios. Amam e reverenciam os espíritos da natureza reconhecendo os aspectos dos mesmos em si. Buscam nas diferentes energias que ela oferece simbologias de suas forças interiores. Possuem uma conexão com a natureza e compreensão de seus ciclos.

 

O xamanismo é a mais antiga prática espiritual, médica e filosófica da humanidade. Hoje médicos, advogados, donas de casa, psicólogos, espiritualistas, místicos, estudantes, executivos, e pessoas das mais variadas crenças estão estudando e aplicando o xamanismo.

 

Os rápidos resultados, introvisões de profundo significado, o contato com realidades ocultas, a obtenção de auto-conhecimento, a busca do poder pessoal, contribuem para o interêsse nas práticas. O xamanismo é um conjunto de crenças ancestrais. Sua prática estabelece contato com outros planos de consciência, a fim de obter conhecimento, poder, equilíbrio, saúde. Propicia tranquilidade, paz, profunda concentração, estimula o bem estar físico, psicológico e espiritual.

 

O xamã pode ser homem ou mulher. É o mago, o curandeiro, o bruxo, o médico, o terapeuta, o conselheiro, o contador de estórias, o lider espiritual, etc.

 

Ele é o explorador da consciência humana. O praticante é levado a sair do torpor convencional, reconhecendo os seus limites, a sua limitada visão pessoal do mundo, buscando um plano mais universal.

 

Através de um chamado interior ele vive um confronto existencial que o força a sair de uma zona de conforto, do falso brilho, da alienação.

 

Reforçando a coragem e a determinação, o praticante mobilizado por visões, introvisões e vivências, expande a sua consciência, podendo processar transformações de profundas proporções na sua vida. O xamanismo resgata a relação sagrada do homem com o planeta.

 

Praticar xamanismo é ir em busca da excelência espiritual, é enxergar a realidade existente por trás dos conceitos, é se harmonizar com as marés naturais da vida. É trilhar o Caminho Sagrado, atravessando os portais da mente, das emoções, do corpo e do espírito.

 

A premissa básica é o reconhecimento que todos fazemos parte da Família Universal e tudo está interligado.

 

O praticante compreende o "Espírito Essencial" que está dentro dele mesmo, na natureza e em todos os seres. Ele sabe quem ele é , e como se relaciona com o Universo.

 

O reconhecimento do caminho da verdade vem da expansão da consciência e a compreensão que o verdadeiro poder está dentro de cada praticante, e provém do desenvolvimento de seus próprios dons.

 

Hoje, no Planeta, a vibração está mais alta do que nunca. As pessoas se preocupam cada vez mais com o autoconhecimento e fazem a sí mesmo uma pergunta : "O que eu realmente devo fazer na vida?"Nesta busca deparam-se com barreiras, seja com relacionamentos, trabalho, saúde, carreira e etc.

 

O maior obstáculo para o crescimento é a inércia, que cria a insensibilidade, pois priva o indivíduo de novas possibilidades, cria passividade com relação à vida. Cria falta de vitalidade, limita a criatividade e predispõe ao papel de vítima. A consciência se limita a fugir, a ter medo. A vítima fica sempre vivendo as sombras do passado e com medo do futuro.

 

As práticas xamânicas compelem a mente a viver dentro do coração, até que a mente ignorante seja destruída. Isso se manifesta quando o ser se revela espontaneamente. Na verdade, o antigo modo de viver acaba, abrindo caminho para um jeito mais consciente.

 

Quando se aproxima o verdadeiro propósito da alma, tudo da natureza interior vem a tona. A pessoa entra em um processo mais rápido de transformação pessoal. Quando convidamos o amor para despertar poderes mais profundos, trabalhar nos desafios torna-se uma aventura.

 

O praticante explora a estrutura de sua própria consciência e vai compreendendo como os fatos acontecem na sua vida, deixando de ser vítima das circunstâncias. Sente-se inspirado pelos desafios e aprende a utilizar a energia de forma a caminhar no Amor - Paz e Luz.

 

Praticando a sabedoria das antigas tradições adaptadas ao mundo atual e ao estado atual da alma humana, o trabalho é feito com tambores, canções, meditações, instrumentos de poder, danças, respirações, visualizações, histórias, vivências e muito, muito amor.

fonte: www.xamanismo.com.br

O NEO XAMANISMO CRISTÃO
NA ESCOLA DE SABERES - CEEU LUZ DA RAINHA

O Xamanismo é UNIVERSALISTA, mas ser um Espiritualista Universalista é acima de tudo assumir um compromisso consigo mesmo e com a Espiritualidade maior de ter mente e coração abertos, e de sempre compartilhar com os companheiros de jornada o pouco do que aprendeu; pois o Conhecimento é dádiva do Supremo e, assim como a Verdade, não pertence a nenhum ser em particular. Para compartilhar, faz-se necessário ser sabidamente humilde; assim poderá ensinar e ser humildemente sábio para Aprender... Sim! Pois a sabedoria não é algo que simplesmente se é dada de presente! Ela precisa ser conquistada através de um longo caminho. O xamanismo universalista agrega em sua essência a aceitação de tudo e de todos que queiram evoluir e se trabalhar na luz! Mas este caminho seja ele qual for envolve a paciência, o tempo, a vontade, o amor e a dedicação. O xamanismo deve ser VIVENCIADO, e não é algo que possa ser aprendido em cursos ou escolas, Xamanismo é viver a espiritualidade e com ela se integrar ao todo, requer disciplina e entrega verdadeira! Você pode aprender técnicas xamânicas em uma escola, assim como é feito aqui no Luz da Rainha, mas nunca ninguém poderá lhe tornar um Xamã, pois para se tornar um Xamã é preciso se fundir com o todo, com a floresta e a natureza, e também consigo mesmo através da busca do caminho do aprendizado eterno! A primeira regra do verdadeiro Xamã ele só pode ser reconhecido como tal e nunca poderá ser auto-intitulado! aqui nesta casa buscamos viver na pratica com humildade o que definimos como um Neo Xamanismo Cristão, aprendendo sobre o EU INTERIOR e SUPERIOR de forma contemporânea nas praticas xamanicas, conectados com a natureza e as forças espirituais naturais que fazem parte da criação, mas sempre com a permissão do Grande Chefe honrando e aceitando também em nossos corações os ensinamentos de seu representante maior na terra, o mestre Jesus!

Padrinho Danyel

CEEU Luz da Rainha